Scroll Top

Cadastre seu e-mail e receba atualizações gratuita sobre elétrica

Como Acionar cada tipo de Motor e seus Diagramas de Ligação

Motor elétrico ou então como também chamado por profissionais da elétrica de atuador elétrico, é nada mais do que todo e qualquer dispositivo que transforma energia elétrica em mecânica. Não confunda, o processo inverso, ou seja, a transformação de energia mecânica em elétrica é função dos geradores e não motores como iremos estudar nesse artigo.

Nesse artigo então vamos estudar um pouco mais sobre as particularidades dos tipos de motores mais comuns no dia a dia do profissional da elétrica, e nosso objetivo aqui é deixar cada dia mais fácil de se trabalhar e propor sugestões em cada projeto.

Funcionamento de um motor

Vamos antes de tudo entender o princípio de funcionamento dos motores e ai então entraremos a fundo no assunto de acionamentos.

A grande maioria dos motores elétricos trabalham com interação de campo eletromagnético e outra parte em fundamentos eletromecânico, o fundamento disso tudo se baseia na condução de eletricidade pelos fios imersos no campo magnético.

Saiba mais sobre acionamento de motores e suas caracteristicas

Motores giratório possui um elemento que gira chamado de rotor e uma parte estacionaria chamada de estator. O rotor executa o movimento de rotacionar devido ao arranjo dos fios em relação ao campo possuem um ângulo que fornece o toque necessário para ocorrer esse giro.

Além de todo esse campo magnético, bobinas de fios, os motores possuem eletroímãs de material ferromagnético que compõem o corpo do rotor de cada motor que por sua vez são enroladas por outro material e ficam em volta do material ferromagnético que constitui o estator.

Acionando os principais motores

Vamos então entender um pouco mais de cada tipo de motor e como saber fazer seus acionamentos:

Motores monofásicos de fase auxiliar:

Funcionamento e aplicação do motor auxiliar

Esses motores são utilizados principalmente em maquinas como por exemplo motobombas, compressores, cortadores de grama etc. e possuem uma potência bem baixa de até 2cv.

Para que esses motores entrem em operação tanto em 110v quanto 220v suas bobinas são divididas e com isso podem ser conectadas em serie ou paralelo sendo que cada parte da bonina recebe 110v. Para se inverter a rotação desse motor deve-se inverter o sentido da corrente na bobina auxiliar, basta então inverter os terminais 5 e 6.

Motor trifásico de enrolamentos separados:

Comparação de um motor dupla velocidade com transformar trifásico

Esse motor possui na mesma carcaça dois enrolamentos que são independentes e suas bobinas possuem números de polos diferentes, sendo assim quando se alimenta uma ou outra bobina você consegue ter baixas rotações e altas rotações no mesmo motor.

As rotações vão depender da construção do motor e isso poderá ser notado na placa de cada um, porém tenha muita atenção ao alimentar uma das rotações, confira sempre se a outra bobina está isolada e com circuito aberto, pelos seguintes motivos:

  • Giro simultâneo de rotações;
  • Haverá tensão induzida nos terminais não conectados;
  • Se houver corrente no enrolamento aberto irá surgir campo magnético que vai interferir no enrolamento alimentado;
  • Não deve-se ter corrente no enrolamento aberto, tanto para melhor aproveitamento técnico quanto econômico no consumo de energia, afinal esse motor é trifásico;

Lembre-se esses motores devem ser sempre fechados em Y.

Motor trifásico Dahlander:

Bobinas e esquemas de ligação de um motor Dahlander

Esse tipo de motor possui enrolamento especial, desse modo ele pode receber dois tipos de fechamento distinto e alterando assim a quantidade de polos, ou seja, esse motor irá fornecer duas velocidades distintas respeitando sempre uma proporção 1:2 (ex.: 4/2 polos 1800rpm /3600rpm; ou; 8/4 polos 900rpm/1800rpm)

O fechamento das bobinas desse motor se dá da seguinte maneira:

  • Baixa rotação: Fases RST nos terminais 1,2,3 e os terminais 4,5,6 ficam abertos;
  • Alta rotação: Fases RST nos terminais 4,5,6 e os terminais 1,2,3 devem ser unidos fechando um curto entre as bobinas.

Motor de anéis:

Esquematização de ligação de um motor de rotor bobinado

O rotor desse motor não está fechado em curto circuito, nesse modelo o rotor é bobinado e os terminais estão acessíveis através dos coletores e escovas. No momento da partida desse motor é feito a inserção de resistência e vai diminuindo gradualmente conforme o motor ganha velocidade até que a resistência chegue a zero e isso indica um curto circuito, daí pra frente o comportamento desse motor é semelhante a um motor de gaiola.

Esse motor não deve ter partida sem carga, pois ele possui um grande conjugado, sendo assim o valor de resistência de partida deve ser bem dimensionada conforme a necessidade de torque de cada motor, desse modo deve-se olhar a placa do motor e verificar a tensão e corrente do motor e com essa base realizar os cálculos necessários.

Atenção para os projetos de comandos elétricos que tenham esses motores empregados, o valor de resistência deve ser exato na máxima permitida para que não ocorram danos.

Enfim, esses são alguns dos motores mais comumente utilizados na indústria e que com certeza um dia você irá se deparar com um deles, deseja saber mais sobre um desses motores ou então algum que não foi comentado? Deixe no comentário que teremos o prazer de redigir um artigo com a sua resposta.

Como Acionar cada tipo de Motor e seus Diagramas de Ligação
5 (100%) 2 votes

Comentários

comentários

Sobre o autor | Website

Saber Elétrica - trata-se de um web site totalmente totalmente voltado ao mercado da elétrica e eletrônica em geral. Visando reunir e trazer para você leitor mais informação e dicas sobre o assunto. Um projeto idealizado e administrado por Luiz Jacques.

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe um comentário

6 Comentários

  1. Marcos disse:

    Muito bom gostei

  2. marcio disse:

    Bom de mais para meu aprendizado.

    • Olá Marcio, sou Luiz Jacques e fico contente em saber que nosso artigo tenha ajudado no seu aprendizado. Todas nossas publicações são com objetivo de agregar mais conhecimento aos nossos leitores. Gratificante pelo comentário.

  3. Alberto Carlos Prudêncio disse:

    Muito bom, saber elétrica , agradeço ppr vocês se disporem disensinar ensinar e capacitar cada vez os iniciantes e profissionais da área em geral e também ajudando o próximo, e que nosso DEUS JEOVÁ GLORIOSO continue abençoando vocês, para que continuem nesse trabalho. Muito obrigado.
    Alberto Carlos Prudêncio.

    • Olá Alberto Carlos é um prazer te-lo como leitor do conteúdo aqui publicado. Agradecemos pelas palavras aqui colocadas e ficamos contentes em saber que nossas publicações vem ajudando nossos leitores. O ramo da elétrica possui um mercado muito extenso, sendo que cada um pode conquistar sua “fatia de mercado” basta buscar por cursos de qualificação e aperfeiçoamento na área. Um grande abraço. Luiz Jacques

  4. Edson querino do amaral disse:

    Muito Bom esse informativo

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.