Como Converter 220v em 127v

Muitas pessoas ao mudarem de residências entre municípios, cidades e até de estados sempre se deparam com um probleminha e preocupação que sempre foi unanime, a tensão fornecida pela rede local.

Isso ocorre por que no Brasil existem regiões que as concessionárias de energia operam com tensão entre fase e neutro 220v e outras a tensão entre fase e neutro 127v, ambas na frequência de 60hz. Esse fato incomoda muitas pessoas quando trocam de residência e possuem aparelhos com tensões fixas, ou seja, mora em regiões 220v e vão para regiões de tensões com 127v.

E ai você começa pensar que vai ter que comprar vários transformadores e instalar pela casa toda, essa brincadeira com certeza vai sair bem cara, mas vamos nesse artigo te ajudar a verificar a possibilidade de transformar sua tomada 220v em 127v, ou se realmente será necessário adquirir transformadores ou até mesmo substituir os equipamentos.

Por que no Brasil existe lugares com 127v e outros com 220v?

Tudo começou quando a energia elétrica chegou ao Brasil no início do século 20 e junto delas algumas concessionárias de energia elétrica do mundo inteiro vieram junto e ficaram sediadas em algumas regiões do país.

As decisões sobre qual seria a tensão ficou então por conta dessas concessionarias e de uma complexa analise de custo para instalação, onde observaram a quantidade por metro quadrado de futuros consumidores, quando era o budget reservado para instalação e quantos e quais materiais seriam necessários, ou seja, cabos, transformadores, etc.

Com isso por exemplo a empresa canadense Tramway light & Power instalou no Rio de Janeiro e em São Paulo o sistema 127v para as residências, porém as primeiras concessionarias na região nordeste optaram pelo 220v com neutro.

Também existem relatos que a industrialização da região interferiu na escolha do nível de tensão, já que a tensão de utilização de equipamentos americanos e canadense é aproximadamente 127V o que consequentemente obrigou as concessionárias a optarem pelo sistema em questão.

Até hoje a divergência entre os níveis de tensão se matem, não posso afirmar que isso não irá se padronizar um dia, entretanto sabemos que o custo para optar por uma rede única sendo 220v ou 127v é muito alto.

Como converter uma tomada de 220v para 127v

Antes de sair tirando a tomada do local, cortando e emendando fio temos que prestar atenção no sistema de distribuição de energia elétrica, essa distribuição vai nos dizer antes de tudo se existe a possibilidade de transformar uma tomada 220v em 127v sem o uso de transformador.

Como já falamos o nível de tensão para cada região é diferente, então o primeiro passo é descobrir qual o nível de tensão da sua região. Nesse link abaixo a ANEEL (Agencia Nacional de Energia Elétrica) disponibilizou o nível de tensões nominais por cidade.

http://www.aneel.gov.br/area.cfm?idArea=732&idPerfil=2

Basta acessar e verificar qual o nível de tensão da sua cidade, preparei dois exemplos de duas cidades no mesmo estado que trabalham em níveis de tensões diferentes:

CEMAT-380-para-220

Barra do Garças – MT

Tensão de operação entre Fase – Neutro = 220V.

 

CEMAT-254v-para-127v

Cuiabá – MT

Tensão de operação entre Fase – Neutro 127V.

Com essa informação já podemos separar em duas situações.

1 ª Minha cidade está com tensão de operação entre Fase – Neutro 220V.

Com essa informação temos que a opção mais viável de rebaixamento de tensão seja com a utilização do transformador.

Cabe alertar que se for optar pela utilização de transformadores os mesmos devem estar dimensionados de acordo com a potência do seu equipamento e lembrando que o mesmo sofre perdas de transformação que dependendo da característica de fabricação irá aumentar o consumo de energia e consequentemente o consumo, verifique se realmente não compensa trocar o equipamento. #fica a dica

2 ª Minha cidade está com tensão de operação entre Fase – Neutro 127V mas ao testar a tomada foi medido 220V.

Nesse caso podemos começar a trabalhar em nossa transformação da tomada, o primeiro passo para quem deseja transformar uma tomada 220v para 127v é verificar qual o tipo de unidade consumidora, que para consumidores residenciais existem 3 – Monofásica, Bifásica e Trifásica – Podemos olhar isso na fatura de energia que geralmente vem discriminado ou no quadro de Medição, se o caso a ligação seja monofásica se enquadra na 1ª situação.

Caso a ligação seja bifásica ou trifásica podemos alterar a ligação entre as fases.

Supondo que você seja abastecido dessa maneira veja os passos a serem executados:

  • Verificar com aparelho multímetro quem são as fases e quem é o neutro: Para essa verificação basta você testar no modo tensão alternada entre dois cabos e com isso você deverá encontrar um cabo comum que qualquer um dos outros dois o valor será 127v (Ver desenho acima);
  • Neutro identificado: Após identificar o cabo neutro você deverá então levar o mesmo até a (s) tomada (s) que deseja converter a tensão;
  • Alterando a tomada: Com o cabo no ponto em que deseja fazer a conversão você irá desligar a energia da rede para que possa mexer no cabeamento sem riscos, e então nos bornes da (s) tomada (s) você deverá ligar uma fase e o neutro que acabou de levar, feche a tomada e ligue o circuito.

Lembre-se: Antes de ligar o equipamento verifique a tensão novamente na tomada.

Observações importantes:

É possível que a instalação em edificações comerciais tenham níveis de tensão diferentes da estabelecida pela concessionaria nas edificações residenciais. Shopping Centers é um exemplo aonde geralmente não seguem o nível de tensão usual.

Esse artigo não se aplica a edificações Rurais, pois o sistema MRT (Monofásico com retorno pelo Terra) possui níveis de tensões diferentes do exemplificado.

A norma NR10 (Segurança em instalações e serviços elétricos) estabelece que todo o serviço em eletricidade deve ser feito por profissional habilitado.

Eletricidade é perigoso e causa acidentes que geralmente leva a morte.

É necessário que todos os circuitos estejam equilibrados

Como Converter 220v em 127v
5 (100%) 1 vote

Comentários

comentários

One Response

Deixe um comentário