Scroll Top

Cadastre seu e-mail e receba atualizações gratuita sobre elétrica

Conheça a Profissão de Engenheiro Eletricista e a Importância do Registro no CREA

Sabemos que a energia é um recurso indispensável pela sua extrema utilidade. Não dá para imaginar como seria o mundo sem a existência de aparelhos elétricos que facilitam nossas vidas e de certa forma possuem extrema importância.

Com a evolução do pensamento conforme estudos que se aperfeiçoam, podemos afirmar que o homem automatizou processos e sistemas antes considerados primários e que dependiam da intervenção humana.

A tecnologia nos trouxe a praticidade e simplicidade que se destacam como suportes na criação de inventos que revolucionam a existência.

O profissional encarregado pelos mecanismos através dos quais a eletricidade chega aos consumidores é chamado engenheiro eletricista. Conheça a seguir os fundamentos que descrevem esse profissional quanto às suas atribuições e responsabilidades, além da importância apresentada pelo registro  que regulamenta sua atuação junto ao órgão competente.

Conheça a profissão de engenheiro eletricista

A profissão de engenheiro eletricista

A energia é produzida com uso de técnicas adequadas e que proporcionam a geração desse bem largamente distribuído. Também existe o processo intermediário de transmissão que representa um importante passo na condução da eletricidade para benefício industrial, comercial e residencial. Com tantas peculiaridades que integram um estudo cujo campo ao qual pertence é bastante complexo, torna-se necessária a existência de profissionais dedicados ao controle dos meios que asseguram não apenas a produção de energia, mas também sua posterior transmissão, transporte e distribuição.

O engenheiro eletricista torna-se responsável pelo planejamento e supervisão além da execução de projetos eletrotécnicos, sendo habilitado inclusive para construir e instalar aparelhos ou sistemas referentes à distribuição energética voltada ao consumo, bem como avaliar e corrigir falhas decorrentes do funcionamento caso venham a existir.

É preciso gostar de ciências exatas (matemática e física), sendo pré-requisito fundamental à realização de cálculos. O domínio da eletricidade é indispensável e pode ser adquirido através dos cursos universitários ao ingressar em instituições de nível superior.

Com a tecnologia em frequente expansão e a modernidade alcançada pelos sistemas de telecomunicação no Brasil e no mundo, crescem as oportunidades nesse ramo. Se você pensa em ingressar nessa carreira é preciso que conheça bem as peculiaridades a ela inerentes.

O curso preparatório dura geralmente 5 anos e inclui além de informática, experiências práticas que adaptam o aluno ao ambiente de trabalho que irá encontrar após terminar os estudos.

Engenharia Elétrica: Diferenciais

As oportunidades aparecem para quem tem bom preparo. Se estiver mesmo decidido a buscar uma carreira promissora, saiba que a média salarial de um engenheiro eletricista varia entre R$ 3.500,00 e R$ 4.068,00 por 6 horas de jornada. Mas isso exige conhecimento apurado. Através dos programas de estágio e treinee é possível ter contato mais direto com a rotina profissional que será determinante à sua formação.

Cursos de especialização na área pretendida complementam a instrução, tornando o candidato mais apto para encarar os desafios. Podemos citar algumas atividades mais comuns que seriam automação, eletrotécnica e telecomunicações que absorvem mão de obra especializada em larga escala.

 Regulamentação Profissional: Registro no CREA    

Regulamentação do registro junto ao CREA

 Exemplo de Registro Profissional junto ao CREA-SP

Outro importante fator a ser considerado é a regulamentação da atividade a ser desempenhada pelo engenheiro eletricista. Para que ele possa exercer suas habilidades é necessário que adquira junto ao órgão que fiscaliza o exercício profissional um registro emitido na forma de uma carteirinha. Este documento traz as principais informações do engenheiro eletricista e pode funcionar como identidade, tendo validade em todo o território nacional.

Para adquiri-lo dirija-se ao CREA (Conselho Federal de Engenharia, Arquitetura e Agronomia) de seu estado e informe-se qual a documentação necessária para dar entrada na solicitação do mesmo. Será emitida primeiramente uma carteira provisória e após um tempo será entregue o registro definitivo.

Com isso o profissional poderá assinar ART’s (Anotações de Responsabilidade Técnica) que são instrumentos legais no contrato de serviços e servem para que o órgão tenha um controle sobre atividades desempenhadas, fiscalizando a conduta do engenheiro autônomo ou contratado e das empresas que são responsáveis pelo pagamento da taxa referente a esse instrumento regulamentado.

Exemplo do formulário de ART

Exemplo de ART (Documento que pode ser preenchido através de formulário no site do CREA)

Conheça a Profissão de Engenheiro Eletricista e a Importância do Registro no CREA
5 (100%) 4 votes

Comentários

comentários

Sobre o autor | Website

Saber Elétrica - trata-se de um web site totalmente totalmente voltado ao mercado da elétrica e eletrônica em geral. Visando reunir e trazer para você leitor mais informação e dicas sobre o assunto. Um projeto idealizado e administrado por Luiz Jacques.

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe um comentário

Seja o primeiro a comentar!

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.