Passo a Passo Entendendo um Projeto de Instalação Elétrica Residencial.

Sem dúvida, uma das preocupações em construir uma moradia é a execução correta das instalações elétricas, que privilegiem durabilidade, bom funcionamento, conforto e segurança.

Ter todas as tomadas no lugar apropriado, interruptores suficientes e um disjuntor bem dimensionado que não desarme fora das situações de risco são os requisitos mínimos para o bom funcionamento da instalação elétrica, e só podem ser alcançados, em sua plenitude, através de um planejamento prévio, o Projeto de Instalações Elétricas Residenciais.

O projeto prevê não só o conforto como também obedece a um padrão rígido de normas de segurança da NBR5410. 

Entender um diagrama elétrico é essencial para qualquer profissional que se disponha a fazer uma instalação elétrica residencial

Como interpretar um projeto de Instalações Elétricas Residenciais?

Gostaria de aprender mais sobre comandos e maquinas elétrica?

Profissionais de nível técnico ou superior da área de elétrica que possuem o certificado CREA já estão habilitados a assinar projetos elétricos residenciais. A execução desse projeto pode ser feita por qualquer profissional capacitado, sendo que para isso é necessário interpretar o diagrama elétrico. Confira abaixo a simbologia mais geral utilizada nesse tipo de diagrama.

Simbologia dos interruptores

Simbologia das tomadas

Vale Lembrar que a simbologia pode variar dependendo do projetista. Projetos que fogem desse padrão necessitam de legenda no diagrama elétrico

 O diagrama elétrico é representado na forma unifilar, ou seja, todos os condutores envolvidos dão representados num único fio, o que pode confundir a interpretação. Para entender o diagrama, é necessário primeiramente conhecer as ligações elétricas mais comuns e seus equivalentes na forma unifilar.

diagrama unifilar da fiação

Representação dos quatro condutores básicos na notação unifilar

Ligações mais comuns:

Para a instalação de uma lâmpada, condutor fase é energizado, conectando-se com o neutro para completar o circuito quando um interruptor é fechado. Tanto a fase como o neutro são condutores longos que precisam sair do quadro geral da instalação. O pedaço de fio que fica apenas entre a lâmpada e o interruptor é denominado retorno. Confira baixo uma ligação simples de uma lâmpada:

Instalação com diagrama multifilar simplesNa lâmpada, temos que o 120W representa a potência elétrica nominal, o número 1 é o circuito elétrico e a letra a identifica o interruptor de acionamento

Para ligar a mesma lâmpada por dois interruptores diferentes, é necessária a ligação em paralelo:

 Instalação com diagrama multifilar paraleloSão necessários mais retornos para uma ligação em paralelo. 

Caso se queira um interruptor intermediário entra os dois paralelos, há ainda outra ligação:

Diagrama de instalação no intermedário

É comum usar paralelo intermediário em escadarias de prédio 

Para Tomadas de Uso Geral (TUG), utiliza-se apenas uma fase, um neutro e um terra nos seus terminais.

Interpretando um diagrama elétrico

O principal documento utilizado para a execução Projeto Elétrico é o Diagrama Elétrico, onde ficam estão detalhadas as posições dos eletrodutos, assim como os fios que passam por eles. Vamos analisar cada etapa da criação do diagrama.

1) Planta Baixa

É necessário possuir a planta baixa da residência com todas as cotas (medidas) necessárias para o cálculo de área e perímetro.

para projeto de instalação elétrica residencial é necessário ter a planta baixa do local

Usaremos como exemplo essa planta baixa de uma residência de 70m² de área interna

2) Pontos de Iluminação e Tomadas.

Baseado nos cálculos de área e perímetro, determinamos o número mínimo de lâmpadas, interruptores e tomadas de cada dependência da casa. Esses elementos são divididos em circuitos numerados. Essa numeração é importante para a orientação dentro do diagrama e serve também para realizar a instalação correta dos disjuntores da casa.

Utiliza-se um circuito separado para a iluminação, circuitos apenas para TUG (tomadas de uso geal) e um circuito dedicado para cada TUE (tomadas de uso específico) da residência. São alocados na planta esses elementos.

Apesar de possuir um valor mínimo calculado, nada impede o projetista de adicionar lâmpadas, tomadas e interruptores que considerar necessários na instalação

3) Definir locais

Definidos os locais dos elementos, devemos conectá-los por uma tubulação de eletrodutos.

 

Devemos garantir um número suficiente de eletrodutos que não permita acumular muitos condutores passando pela mesma via, evitando sobreaquecimento.

4) Diagrama e simbologia

Finalmente, representam-se os condutores seguindo a simbologia padrão em diagrama unifilar.

Passar condutores nos eletrodutos

O diagrama unifilar é caracterizado por representar todos os condutores num único segmento, que no caso representa o eletroduto

5) Condutores e Eletrodutos

O tamanho dos condutores e eletrodutos é previsto no projeto, levando em conta a corrente calculada para cada um e o agrupamento de condutores dentro do mesmo eletroduto. A norma exige bitola mínima de 1,5mm² para iluminação e 2,5mm² para tomadas. Além disso, condutores devem ocupar sempre menos de 40% da área interna de um eletroduto. Esses valores aumentam conforme a necessidade do projeto.

Finalizando o projeto de instalações elétrica residencial

Condutores sem indicação serão de 2,5mm² e eletrodutos sem indicação serão de 20mm² 

Conclusão

A execução correta de uma instalação elétrica é importante para garantir o conforto e segurança na moradia. Construir casas sem um projeto de elétrica prévio é um risco que se assume, assim como contratar eletricista profissionais que não saibam interpretar corretamente um diagrama elétrico, pode acarretar em futuras dores de cabeça.

Confira nos link de outros artigo como são realizadas as ligações no quandro de distribuição da residência, bem como os dispositivos de proteção necessários em uma instalação elétrica residencial.

Passo a Passo Entendendo um Projeto de Instalação Elétrica Residencial.
4.14 (82.73%) 22 votes

Comentários

comentários

25 Comments

Deixe um comentário