Serviços mais Comuns na Vida de um Profissional de Automação

Você profissional da elétrica que está prestes a entrar para o mundo da automação, seja como engenheiro de controle e automação, técnico de automação ou qualquer outro nível mas que seja na área de automação e não sabe onde exatamente vai atuar e o que poderá exercer, você aqui nesse post vai encontrar essa e outras respostas.

Para entender melhor essa área vamos explicar a área de automação nos baseando no engenheiro de controle e automação. Essa área dentro das engenharias é o cargo voltado para realizar controles de processos e automatizar todas etapas na indústria manufatureira, sendo assim nessa área o profissional se envolve muito com sensores, elementos atuadores, sistemas supervisórios, sistemas de aquisição, comandos elétricos e outros sistemas que englobem recursos de elétrica, eletrônica, mecânica e informática.

Qual a importância do engenheiro de controle e automação dentro das indústrias

Resumindo os fatos, o engenheiro de controle e automação poderá assumir diversas posições dentro de uma indústria, podendo ele:

  • Projetar sistemas de controles;
  • Gerenciar;
  • Operar equipamentos;
  • Realizar manutenção em maquinas e equipamentos;
  • Programar maquinas;
  • Projetar, reescrever e adaptar softwares em cada processo industrial.

O mercado para engenheiro de controle e automação

Com o avanço tecnológico toda empresa que necessite um avanço em sua produtividade e claro na qualidade com que produz seus produtos ela certamente vai precisar investir em automação em suas linhas, isso torna a empresa mais competitiva e rentável no mercado de trabalho.

Boa parte das oportunidades de trabalho para essa área de engenharia está na região sudeste, porém a região norte do país começa a crescer a demanda de engenheiros de automação, isso pelo de algumas plantas em empresas do ramo automobilístico, petróleo e gás estarem se instalando nessas regiões e são segmentos que necessitam de profissionais de automação presentes para realizar tarefas desde operação até gerenciamento dos equipamentos instalados nas unidades.

Um outro meio de se colocar no mercado de trabalho sendo um profissional de automação é em prestar serviços especializados na área, esse segmento ainda é pouco explorado por profissionais de automação e existem muitas empresas que preferem ter um serviço terceirizado do que um profissional efetivo para projetar e instalar sistemas de automação.

Áreas que um profissional em automação poderá atuar nas empresas

O que o profissional de automação pode fazer

O profissional de automação possui um campo muito abrangente para atuar e ele pode ser um pouco mais rentável se o profissional de automação tiver especialização em alguns segmentos, exemplo seria um profissional da automação com alguma especialização em química ou biologia, desse modo esse profissional poderá focar seus conhecimentos em indústrias farmacêuticas.

De forma bem sucinta um profissional da automação pode se dividir da seguinte maneira a fim de escolher os nichos para atuação:

  • Automação comercial e Domótica: Projetar sistemas automatizados de controle de equipamentos em edifícios comerciais e em residências, como elevadores, iluminação, aparelhos de ar condicionado e eletrodomésticos;
  • Automação industrial: Desenvolver e implantar projetos de automação em indústrias. Manipular robôs industriais;
  • Bioprocessos: Projetar, construir e operar equipamentos empregados nas indústrias de biotecnologia;
  • Informática: Projetar sistemas de informação e banco de dados. Programar equipamentos automatizados.

O curso de engenharia de controle e automação

No Brasil o curso para o profissional de automação é dividido em 3 níveis da seguinte maneira:

Nível Básico: o profissional irá aprender sobre, matemática, física, química, mecânica dos sólidos, economia, humanas, materiais e algumas incluem gestão ambiental.

Nível genérico: nessa etapa o profissional já irá absorver conteúdo sobre mecânica aplicada, análise de sistemas, eletricidade, eletrônica, comandos elétricos, modelagem de sistemas e simulação de sistemas físicos.

Nível especifico: nessa fase o profissional entrará mais afundo nas matérias afim de compreender sobre instrumentação para automação, processos e sistemas de fabricação, automação da manufatura, gestão da tecnologia, programação de maquinas, aperfeiçoamento de processos, adaptações de programas computacionais, segurança industrial, custos industriais e qualidade.

Gostou da área de automação? Deseja conhecer mais sobre alguns temas da área? Fique então ligado em nossa página e aproveitem os cursos disponíveis para evoluir profissionalmente e conquistar mais clientes ou novos desafios profissionais na indústria.

>>Curso – COEL – Curso Comandos e Máquinas Elétricas <<

Serviços mais Comuns na Vida de um Profissional de Automação
5 - 1 Vote

Comentários

comentários

Sobre o autor | Website

O Saber Elétrica é um canal educativo e informativo que vem com objetivo de compartilhar um conteúdo dinâmico e didático sobre o mercado de trabalho voltado a setor da energia e eletricidade com foco nos setores da eletreletrônica e da eletrotécnica.

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe um comentário

4 Comentários

  1. adriano rocha disse:

    Muito bom a cada dia eu aprendo mais obrigado.

  2. Welington disse:

    Parabéns pela matéria, o site sempre trata com objetividade os assuntos relacionados a nossa área.

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.